A Escola Secundária Pedro Gomes (ESPG) recebe a Visita do Instituto de África Ocidental, 20 de Março de 2018

Escola SecundariaRespondendo ao convite da Sra. Lídia Spencer Lopes dos Santos de Barros e Silva, Coordenadora de Projetos na Escoa Secundária Pedro Gomes (ESPG), a Directora Geral do Instituto de África Ocidental (IAO), Prof. Djénéba Traoré, se deslocou à ESPG onde foi recebida pela Sra. Lídia Spencer e o Director do Estabelecimentos, Sr. Cecílio Semedo Cabral. A Directora Geral do IAO esteve acompanhada pela Sra. Vanilde Lopes, do Secretariado Executivo do IAO.

A conversa teve lugar no Gabinete do Director e estiveram centradas na apresentação da escola bem como uma possível cooperação com o IAO no domínio do reforço das capacidades em técnicas de redação e projetos de desenvolvimento escolar com o fito de submeter propostas a potenciais financiadores susceptíveis de financiar o programa inovador de actividades da ESPG.

A Escola Secundária Pedro Gomes (ESPG), como explicou a Sra. Lídia Spencer, está situada no bairro de Achada de Santo António (ASA), cidade da Praia, em Cabo Verde, pretende ser uma escola de referencia em África e no Mundo na transmissão de conhecimentos científicos, valores, bem-estar e inclusão.

     

ESPG iniciou o seu funcionamento no ano lectivo 1987-1988 em dois blocos com 12 turmas. Posteriormente foi ampliada tomando o nome Pedro Gomes em 1997-1998.

Neste momento, em 2017-2018 a ESPG possui 44 turmas, distribuídas em 26 salas que funcionam de manhã e a tarde, acolhe atualmente cerca de 1284 alunos, 92 professores e 13 funcionários, incluindo o pessoal administrativo e auxiliares de acção educativa. A oferta educativa abrange os níveis do 7º ano ao 12º ano.

Trata-se de uma escola com frequência heterogénea, com alunos oriundos de várias regiões da ilha e do País, pertencentes a diferentes extractos sócio – económico – culturais e vem recebendo alunos com NEE desde 2011 principalmente Surdos.

A Escola Secundária Pedro Gomes (ESPG) tem uma cultura de dedicação ao trabalho, uma política inclusiva e uma filosofia de proporcionar aos alunos conhecimentos científicos, sociais e ambientais a fim de que possam ingressar na vida com mais ferramentas e tornarem-se cidadãos pró-activos.

Escola Secundaria 2A ESPG vem desenvolvendo o projeto PBEI - Horto e Património, que integra-se num projeto maior, o projeto Promoção do Bem Estar e Inclusão (PBEI), no agrupamento e na comunidade escolar em geral visando todos, o bem estar, a inclusão e o empoderamento de todos os actores educativos através da valorização dos recursos humanos, da história, cultura e património de Cabo Verde, criando estruturas e mecanismos para a orientação positiva de toda a comunidade escolar, dinamizando formações contínuas e técnico/ profissionalizantes, com aposta nas novas tecnologias e através de atividades lúdicas promovendo comportamentos assertivos, motivação para a aprendizagem, aumento da taxa de sucesso escolar e  diminuição da taxa de abandono escolar.

Na sua resposta, a Directora Geral do IAO felicitou o Director do ESPG, o Senhor Cecílio Semedo Cabral e a Sra. Lídia Spencer pela sua liderança e seu engajamento para fazer da sua escola um modelo inspirador a nível da África e internacional. Ela sublinhou bastante a importância das novas tecnologias no processo e citou a ECOPOST  (Ciência Política, Tecnologia e Inovação da CEDEAO) como um documento capital para o efeito.

A Professora Djénéba Traoré se disponibilizou pour um lado, a contribuir para a visbilidade da ESPG entre os Estados membros e das Instituições da CEDAO e por outro lado apoiar a Direcção da Escola na sua busca por possibilidades de reforço das capacidades em matéria de formulação e de financiamento de projectos educativos.

Inciada às 10h30, a reunião terminou às 12h00 com uma nota de optimismo.

Copyright © 2012 WAI - West Africa Institute. All Rights Reserved - Designed and developed by: NOSi.